Futebol Juvenil – ADF Anta/Baixinhos

16 Outubro, 2014

Juvenis – Campeonato Distrital de Juvenis – 2.ª divisão – série A

SC Paivense 0-4 ADF Anta/Baixinhos

ADF Anta/Baixinhos: T. Mendes, Rafa, João Paulo, Dias, T. Oliveira, Vieira, Sequeira, Hugo, Xavier, Rodolfo e Ruben

Jogaram ainda: Serginho, Rui Pedro

Treinador: Prof. Artur Quaresma

Marcadores: Xavier /2), Rodolfo e Serginho

Alguma expectativa neste encontro, ou seja, a equipa de Anta iria defrontar pela 1ª vez uma equipa B. Jogo bem conseguido desde o início, com jogadas bem delineadas, controlo do espaço e da bola, fez com que o adversário não saísse do seu meio campo defensivo. Na 2ª parte, houve um ligeiro equilíbrio, mas rapidamente o domínio antense voltou, período em que conseguiu marcar mais três golos sem resposta. Em suma, uma exibição equilibrada, baseando-se de uma regularidade a todos os níveis notável.

 

Iniciados A – Campeonato Distrital de Iniciados – 1.ª divisão

ADF Anta/ Os Baixinhos 2-0 CF União de Lamas

ADF Anta/Baixinhos: Diogo P, Ruben G, Nuno L, Dinís, Furtuoso, Simão, Francisco, Pedrito, Diogo C, Resende e Rui S.

Jogaram ainda: André S, Varela e Beto.

Treinador: Nelson Capela

Marcadores: Furtuoso e Rui S.

Depois da goleada do fim de semana passado, a equipa de iniciados da ADF Anta teve suar bastante esta jornada para levar de vencido o CF União de Lamas. Com uma entrada fulgurante em campo, os Antenses viram premiada a sua atitude proativa com um golo madrugador. Este golo teve o condão de serenar os visitados que partiram para uma primeira parte de boa qualidade, especialmente sob o ponto de vista ofensivo, desfrutando de muitas e claras oportunidades para dilatar a vantagem no marcador. Porém, o golo da tranquilidade não surgiria e o resultado ao intervalo apesar de justo, pecava por escasso. No segundo tempo, a equipa forasteira procurou subir as suas linhas e embora sem grandes calafrios, o jogo passou-se a disputar mais próximo da baliza de Diogo P. Apesar de ter controlado as incidências da partida a equipa Antense foi acumulando alguns erros em termos de tomada de decisão que não lhe permitiram ter a tão desejada bola em seu poder e assim ver elevado o jogo para um nível emocional muito alto. Os corações só haveriam de sossegar quando Vítor Furtuoso, já nos últimos minutos da partida se encheu de alma e disferiu um remate do meio da rua que deitaria por terra as aspirações visitantes. Em jeito de síntese, importa realçar a intensidade fortíssima com que se disputou este jogo entre duas das boas equipas do campeonato, sendo que a entrega dos três pontos a equipa Antense acaba por se ajustar.

 

Iniciados B – Campeonato Distrital de Iniciados – 2.ª divisão – série A

SC Espinho  1 – 2 ADF Anta/Baixinhos

ADF Anta/Baixinhos:Miguel, Fábio, Edgar, Santos e Lito, Pedro Oliveira e Alex. Godinho, Rúben, Rafa e André Maganinho.

Jogaram ainda: Leandro, Chang, Gui, Bruno Pereira e Zé Pedro.

Treinador:Rúben Correia

Marcadores: Chang; Leandro.

A equipa de Iniciados B do Anta deslocou-se ao terreno do vizinho S.C Espinho. Tendo em conta serem duas equipas da mesma cidade, já se esperava um jogo equilibrado e cheio de emoção. Na primeira parte assistiu-se a um fraco espetáculo de futebol, com as duas equipas a jogaram mais com a emoção do que com a organização, o jogo só teve interesse devido à grande atitude com que as equipas disputavam os lances. Os lances de perigo só aconteceram através de lances de bola parada.Ao intervalo, o resultado a zero espalhava a pálida exibição das duas equipas. Na segunda parte, e mais organizados os Antenses mostraram a sua superioridade e logo aos três minutos inauguraram o marcador. Desbloqueado o nulo da primeira parte, os Antenses começaram a por em prática o seu futebol de posse e de criação de várias situações de finalização. Apesar de algumas entradas ríspidas dos seus adversários, a equipa do Anta continuou em busca do segundo golo e foi através de uma boa jogada coletiva que conseguiu aumentar o marcador.

Mas como num dérbi existe emoção até ao final, numa bola parada o S.C.Espinho conseguiu reduzir para a margem mínima colocando o resultado algo inseguro para os Antenses. Porém os Antenses não se amedrontaram e seguraram a vantagem até ao final do jogo. Em suma, quem se deslocou ao campo de treinos do S.C.Espinho assistiu a um verdadeiro dérbi, com golos, emoção e por vezes duelos com agressividade excessiva.

 

Benjamins A – Equipa B – Série B

ADF Anta/Baixinhos 2 – 2 Caldas S. Jorge S.C.

ADF Anta/Baixinhos: Cadete, Bombas, Tomás, Resende, Faniqueira, Rosas e Dani.

Jogaram ainda: Simão, Kiko, L. Pedro, Bruninho, Miguel.

Treinador: Filipe Silva

Marcadores: Resende.

Abertura de campeonato confrontava as duas equipas favoritas a vencer o mesmo. Equipa do Anta sem novidades em relação à época anterior entrou de forma muito dominante no jogo mas sempre muito nervosa no processo ofensivo.

A supremacia absoluta do antenses permitia ao adversário explorar o contra-ataque, e foi em uma dessas poucas oportunidades que os visitantes chegarama vantagem fruto de erro individual. Mesmo antes do intervalo os antenses iriam empatar a partida e relançar o encontro. A segunda metade trouxe golo do Anta e um domínio que antevia mais golo. Mais uma vez em uma das poucas oportunidades dos forasteiros os antenses facilitaram e muito e sofreram o empate. Baixinhos podem queixar-se de si próprios e da sorte onde enviaram 4 bolas à barra.

 

Benjamins A – Equipa A – Série A

ADF Anta/Baixinhos 4 – 1 Sporting Paivense

ADF Anta/Baixinhos: Abreu; Diogo, Bruno Alves, Pedro, Gui, Iuri e Guga

Jogaram ainda: Márcio, JP, João, Joel e Tomás

Treinador: Luís Limas

Marcadores: Gui (2), Bruno Alves e Diogo

Iniciou da melhor forma o campeonato a equipa B de Benjamins A do Anta, com uma vitória sem contestação (4-1) sobre o Sporting Paivense. Com um início de jogo forte, a equipa da casa abriu cedo o marcador por intermédio de Gui. Porém, após o golo marcado o Anta baixou a intensidade imprimida nos primeiros minutos e permitiu o empate à turma de Castelo de Paiva. Ainda antes do intervalo o Anta voltou a marcar por mais duas vezes, sem mostrar grande brilhantismo no seu jogo. Na segunda parte, com uma intensidade mais elevada e uma maior qualidade de jogo o Anta voltou a ampliar a vantagem, ditando o resultado final.

 

Benjamins B – Equipa A – Série A 

ADF Anta/Baixinhos 5-1 SC Silvalde

ADF Anta/Baixinhos: Gabriel Pais, Tiago Sá, Nuno Guedes, Francisco Liquito, Renato Valente, Martim Costa, Nuno Pinto

Jogagam ainda:Miguel César, Leonor, Diogo Preto, Simão Marques, João Moutinho

Treinador:Joaquim Gomes

Marcadores: Martim Costa (2), Renato Valente, Miguel César e Nuno

No passado dia 11 de Outubro, a equipa A do Anta/Baixinhos recebeu e bateu o Silvalde por 5-1 naquela que foi a sua estreia no campeonato distrital de Benjamins B da Associação de Aveiro. Apesar do resultado positivo, a verdade é que os Baixinhos acabaram por não começar o jogo da melhor fora, permitindo ao adversário chegar junto da sua baliza nos primeiros momentos da partida. Depois de todas as veleidades concedidas, os Baixinhos acabaram por “encostar o adversário às cordas” e até ao intervalo conseguiram chegar á vantagem de 2-0. Na segunda parte, os Baixinhos mostraram ser muito superiores ao adversário apresentado uma qualidade de jogo superior e justificando o bom resultado. Boa estreia no campeonato,embora tenha ficado evidente que há muito por onde evoluir. Na próxima jornada, os Baixinhos deslocam-se a Fiães, sempre com o objectivo de trazer mais uma vitória. Parabéns “Baixinhos”!

 

Benjamins B – Equipa B – Série A 

A.D.F.Anta 3 – 2 F.C. Arouca

ADF Anta/Baixinhos:Guga, Rui Pedro, Hugo, Francisco, João Ricardo, Rodrigo e Gonçalo.

Jogou ainda:Bernardo, Gabi, Gil e Fábio

Treinador:Bruno Santos

Marcadores: Gonçalo (3)

No inicio de uma nova época, o Anta entrou da melhor forma ao bater o Arouca em casa, numa partida que começou 25 minutos atrasada devido á demora dos forasteiros a chegar a Cassufas. Apesar do atraso a equipa da casa até entrou concentrada, enaugorando o marcador através de Gonçalo, que foi o abono dos Antenses. Logo no minuto seguinte os Arouquenses cavaram um pénalti, dando assim o empate. Contudo os da casa chegaram em vantagem ao intervalo. No segundo tempo os de Anta entraram adormecidos e permitiram o empate através de outra grande penalidade. A equipa da casa soube reagir e marcou o merecido golo da vitória. Um jogo confuso, com o Arouca a aproveitar as bolas nas costas e o Anta a tentar construir jogo. Resultado justo.

 

Traquinas A – Equipa B– Série A

ADF Anta/Baixinhos 0-2 Lusitânia F.C.

ADF Anta/Baixinhos: Raul; Miguel; Rafa; Xavi; Rodrigo; Gabi; Duarte; J.P; Renato; Tiago

Na 1ª jornada do campeonato o Anta recebeu o Lourosa, jogo em que a equipa da casa saiu derrotada. Previa-se um jogo complicado para os antenses e assim foi, apesar duma 1ª parte equilibrada, o Lourosa controlou a maior parte do jogo. Os Antenses conseguiram segurar bem as investidas do adversário e já no final da 1ª parte, o Anta com algumas dificuldades nos pontapés de saída acabou por cometer um erro e dar, literalmente, um golo aos forasteiros. Na 2ª parte o Lourosa continuou a impor algum controlo sobre o jogo mas só através de um pontapé livre conseguiu chegar ao golo. Os Antenses ainda conseguiram chegar por duas vezes a área adversária mas algum desacerto na finalização não permitiu que os meninos da casa conseguissem o golo de honra. Apesar das dificuldades que se anteviam o Anta conseguiu defender-se muito bem e apenas com algumas infelicidades permitiu os golos.

 

Traquinas A – Equipa A– Série B

ADF Anta/Baixinhos 5-0 C.J. Salesiano Arouca

ADF Anta/Baixinhos: Gustavo Relvas, Tomás Relvas, Nuno Pereira, Gonçalo Ferreira, Konstantin Nikitenko, Gustavo Pedrosa, Afonso Leite, Gustavo Miranda e Vasco Ferreira.

Marcadores: Konstantin Nikitenko (4) e Gustavo Pedrosa

Os Traquinas A começaram o campeonato da melhor maneira vencendo o Salesiano de Arouca por 5-0. Assistimos a um jogo desequilibrado, praticado na grande maioria do tempo no meio campo defensivo dos visitantes que procuravam apenas suster o maior ímpeto ofensivo dos da casa. Aliás a resistência arouquense causou mesmo alguns problemas ao setor ofensivo antense que principalmente na primeira parte desperdiçou inúmeras ocasiões de golo. Ao intervalo, a vantagem apenas pela diferença mínima penalizava os antenses que procuravam mais. Durante a segunda parte, os jogadores da casa melhoraram no capítulo da decisão no último terço ofensivo e da finalização proporcionando bons momentos coletivos e golos bonitos. Já nos minutos finais, a desconcentração e algumas falhas no posicionamento quase brindavam a equipa forasteira com o golo de honra mas o guardião antense resolveu com qualidade. É sempre importante começar o campeonato com uma vitória, convincente e moralizadora para o próximo jogo! Boa arbitragem.




O seu endereço de email não será publicado.

*

Não são permitidas tags HTML.